SOBRE A CULPA QUE NÓS MÃES CARREGAMOS

 

Lembro como se fosse hoje a culpa que senti quando a Elisa nasceu … A culpa de não ter me esforçado mais para ter o parto normal. Uma sensação de não ter desempenhado bem meu papel de mãe, por não ter me informado direito, não ter lido mais sobre o assunto.

Depois foi a culpa por ter que trabalhar e deixar ela com outra pessoa, depois a culpa por não ver seus primeiros passos, primeiras gracinhas, primeiras palavras… Sem falar na culpa por não amamentar por 2 anos.

Quem nunca sentiu uma culpa? Quando nasce uma mãe nasce uma culpa, é impressionante isso!

Com o passar do tempo vamos acumulando muitas culpas:

Continue reading →